Skip to content
The Aetherius Society

O Dr. George King

O Dr. George King (1919-1997) foi um mestre de yoga, médium de transe e o autor de inúmeros livros sobre espiritualidade. Foi contactado por uma inteligência extraterrestre conhecido por “Aetherius” em 1954, e fundou A Sociedade Aetherius em 1955 – para promover e pôr em prática a sabedoria de inteligências altamente evoluídas de outros planetas que comunicaram com, e através dele ao longo de mais de 40 anos.

Primeiros anos

O Dr. George King nasceu próximo de Wellington em Shropshire, Inglaterra, a 23 de janeiro de 1919. Já em criança, tinha um profundo interesse pela espiritualidade, e viu rapidamente que havia mais mistérios na vida do que a filosofia ou a religião convencionais conseguiam explicar.

Na sua juventude, foi um Quaker, e um objetor de consciência na Segunda Guerra Mundial, aplicando de uma forma excelente a sua coragem, determinação e intuição nos Bombeiros Britânicos durante a Blitz de Londres. Em meados da década de 40, ele levou este anseio um pouco mais adiante, aprendendo a antiga ciência espiritual do yoga. Não tanto o yoga para a boa forma física, mas antes os aspetos mais elevados do yoga, incluindo intensos pranayamas, mantra yoga e kundalini yoga.

O yoga era, evidentemente, uma atividade muito menos comum nessa época do que é hoje, mas o que ainda era mais invulgar era o seu empenhamento – praticando em média 8-10 horas por dia durante cerca de uma década, ao mesmo tempo que vivia em Londres e mantinha um emprego a tempo inteiro! Este extraordinário sentido de dedicação – a marca de uma alma verdadeiramente avançada – viria a ser encontrada ao longo da sua vida em praticamente tudo o que fazia.

Em meados da década de 50, através da prática do yoga, o Dr. King desenvolvera e apurara as suas capacidades psíquicas e entrara nos mais elevados estados de consciência que é possível alcançar na Terra, o que serviu de preparação essencial para o que viria a seguir-se.

O Comando

Numa radiosa manhã de sábado em maio de 1954, o Dr. King, encontrando-se no seu pequeno apartamento de Maida Vale, em Londres, ouviu as seguintes palavras, que vieram a ser conhecidas por “O Comando”:

Prepare-se! Vai tornar-se na voz do Parlamento Interplanetário.

Ele conta-nos que a voz provinha de fora dele e atingiu seus tímpanos “com uma firmeza de certo modo suave”, mas admite não ter conseguido descrever as “qualidades tonais” daquele “som alienígena”. Também descreve a forma repentina com que ela lhe veio à mente como “entorpecente”.

Embora nunca tivesse ouvido sequer falar do “Parlamento Interplanetário”, sabia que a experiência não era obra da sua imaginação. Através da sua intensa prática do yoga durante muitos anos, desenvolvera a tal ponto os poderes de concentração e distanciamento inatos que existem em nós, que conseguia distinguir claramente entre uma experiência “paranormal” e uma mera fantasia.

Apesar disso, descreve ter sentido “agitação”, “espanto” e “frustração impotente” – presumivelmente pela falta de qualquer explicação a acompanhar a experiência.

Poucos dias mais tarde, foi visitado por um Mestre do yoga de renome mundial, que sabia estar vivo e ativo na Índia nessa altura. Esse Mestre apareceu-lhe na forma física, mas conseguia entrar e sair, passando por uma porta fechada sem ter de a abrir – ou seja, usando algumas técnicas do yoga avançadas que pareceriam magia ao não-iniciado. Durante o encontro, o Dr. King recebeu instruções pormenorizadas a respeito de certas práticas espirituais.

O Contacto Inicial do Dr. George King em maio de 1954

Canal Mental Terrestre Primário

O Dr. George King na “Sala de Transmissões” da Sede Americana

Foi o início da vida do Dr. King como o “Canal Mental Terrestre Primário” – o médium através do qual foram transmitidas literalmente centenas de comunicações, ou Transmissões, como são conhecidas, por seres elevados deste mundo e mais além. Essas Transmissões contêm alguns dos mais notáveis ensinamentos espirituais disponíveis na Terra nos dias de hoje. Alguns deles foram transmitidos em transe, outros telepaticamente.

Muitos dos comunicadores que falaram para o Dr. King e através dele desta forma são extraterrestres – residindo em planos mais elevados de outros planetas deste sistema solar. Se, por exemplo, uma nave espacial da Terra levasse um astronauta a Vénus amanhã, esse astronauta podia muito bem não encontrar qualquer vestígio da existência de uma cultura Venusiana. Porém, se um genuíno Mestre do yoga, como o Dr. King, se projetasse a partir do corpo físico até um plano superior de Vénus, encontraria uma civilização espiritual altamente avançada, existindo a uma frequência vibracional superior àquela com que estamos familiarizados na Terra.

A inteligência que transmitiu o Comando foi um ser de Vénus que conhecemos como o Mestre Aetherius, que deu o nome à Sociedade Aetherius – sendo esta a organização fundada pelo Dr. King em 1955, para divulgar e pôr em prática os ensinamentos dos Deuses do espaço. A palavra “Aetherius” é de origem grega e significa algo semelhante a “viajante através do éter”.

Além de servir de canal para seres de outros mundos, o Dr. King também executou inúmeras missões espirituais ao longo da sua vida. Muitas delas foram-lhe atribuídas pelos Deuses do Espaço, outras foram concebidas por ele mesmo. Algumas continuam a ser postas em prática pela Sociedade Aetherius, embora o Dr. King já não se encontre fisicamente entre nós, como é o caso da Operação Poder da Oração.

Além disso, ele redigiu inúmeros livros e fez inúmeras palestras sobre diversos aspetos da espiritualidade e da metafísica.

Ele partiu da Inglaterra para a América em junho de 1959 – e viveu no Sul da Califórnia durante o resto da vida, fazendo visitas frequentes e, por vezes, demoradas ao Reino Unido e a outros países. Veio a falecer em Santa Bárbara a 12 de julho de 1997, aos 78 anos de idade, mas o seu legado permanece bem vivo, pois o trabalho da Sociedade Aetherius em todo o mundo continua cada vez mais forte!

Não peço ao descrente que passe de repente a acreditar, mas apenas peço que ele aplique ao seu próprio raciocínio aquilo que o Mestre Aetherius diz, e ponha em prática o que é aceitável, à luz da razão superior.

Dr. George King

O Avatar Cósmico Dr. George King

Recomendado: